Shakira dá Entrevista Exclusiva Para BBC de Londres

Na última quarta-feira Shakira concedeu uma entrevista à BBC Londres direto do seu estúdio em Barcelona para comemorar o aniversário da rede. Durante a conversa, ela falou sobre assuntos importantes como seu trabalho filantrópico e a influência das celebridades nas atitudes de seus fãs.

Para uma popstar como você, sua música tem um grande impacto. Porque é tão importante para você fazer mais do que apenas música, que á algo que você faz tão bem?

“Eu cresci em um país do terceiro mundo e onde cresci, vi muita injustiça, desigualdade, então cresci sentindo que havia coisas que poderiam ser feitas a este respeito. Então assim que tive a oportunidade, assim que alcancei o sucesso pela primeira vez, voltei ao meu país e estabeleci minha fundação, a Fundação Pies Descalzos, que é inteiramente dedicada à promover educação e criar oportunidades para aquelas crianças que não têm acesso a educação de qualidade, especialmente em meu país, onde há milhões de crianças que vivem em extrema pobreza e também expostas a conflitos. Por isso, sempre senti que era uma obrigação moral e também uma necessidade, uma urgência. Eu acredito de verdade que os artistas têm uma grande responsabilidade. Figuras públicas em geral. Acho que alguém que está diante de uma câmera e tem esta oportunidade quase diariamente deve tirar vantagem disso para fazer o melhor que pudermos para melhorar o mundo de qualquer maneira que consideremos possível. Acho que todos nós somos úteis no tecido da sociedade. Todos nós temos um papel. Todos temos a oportunidade de fazer algo a respeito das coisas que consideramos erradas.”

Você quer mudar mais do que seu país, a Colômbia e para isso, você se volta a vozes internacionais. Você consegue a resposta que quer para seu trabalho?

“Claro que sim. Acredito que parte do trabalho que faço e ao qual venho dedicando uma enorme parte do meu tempo e dos meus esforços é defender o acesso universal a educação de qualidade. Sou muito confiante na mídia global e estou colaborando com eles para passar uma mensagem não apenas à sociedade civil, mas também aos políticos . Também sou parte da fundação, da qual sou co-fundadora na América Latina, chamada ALAS, que é dedicada a promover educação infantil precoce, promover este tipo de iniciativa e angariar investimentos entre políticos, então a mídia tem um papel vital em ajudar a passar a mensagem pela qual lutamos, é muito útil.”

Sei que há alguns canais que vão querer colocar Shakira logo entre as manchetes mas outros podem dizer ‘você é uma celebridade. Porque colocaríamos você no noticiário?’

“Acredito que com todos os avanços da tecnologia no mundo digital e no mundo da internet o mundo encolheu e se tornou uma grande vizinhança. E acredito também que todas as ações de todos os vizinhos têm um impacto umas nas outras. Acredito que quaisquer decisões que cada país tome têm um impacto imediato em economias menores e conflitos emergentes também. O mesmo acontece com a mídia. Acredito que todo veículo tem uma influência na opinião pública e a mesma coisa acontece com as celebridades. Digo, as celebridades hoje têm acesso direto a seus fãs, a milhões e milhões de jovens. Então se a mensagem que passamos for correta e séria e vier com uma boa intenção, pode afetar milhões de mentes e moldar as gerações que virão.”
Ao ser perguntada sobre qual tipo de mídia usa para conseguir informação, Shakira respondeu: “Geralmente, da internet. De diversos sites, como qualquer mortal”

Ela ainda foi perguntada se usava Twitter e Facebook para se informar.

“Sim, eu uso. Na verdade, eu tenho 15 milhões de pessoas no Facebook e por isso estava insistindo tanto no quão importante é as celebridades usem suas vozes por aqueles que não têm uma, numa escala pública. Acho que quando você tem uma plataforma social de tantas milhões de pessoas que te ouvem e querem estar conectadas a você e você tem algo a dizê-las, isso não é algo que deve ser subestimado. Todos nós temos um papel neste mundo, como a mídia, e os políticos, mas as celebridades também têm uma grande responsabilidade de fazer deste mundo um lugar melhor. Acredito que filantropia tem a ver com inspirar outros, incitar outras pessoas a dar o quer que seja que elas possam, não apenas doando dinheiro, mas também seus pensamentos, idéias. Os recursos humanos são uma parte importante do quebra-cabeças e preparar mentes, comprometimento e vontade é outra. Então acho que educação, uma vez que lá fora 120 milhões de crianças não têm acesso a educação básica de qualidade, é algo muito urgente no qual todos precisamos nos concentrar e que precisa se tornar uma prioridade. As crianças precisam se tornar uma prioridade pata todos, seja no governo ou nos negócios. Assuntos como esse nunca são discutidos o suficientes e acredito que eu tenho que participar e colaborar de qualquer maneira e usar a luz deste holofote que brilha sobre a minha carreira e direcioná-lo para assuntos que são mais merecedores de atenção, como este”.

Tradução/ transcrição: Josimar Rosa para Shakira Brasil