Shakira Pára o Trânsito de Lisboa Para Gravação de Seu Novo Clipe

Bailarinas de biquíni e plumas verdes, amarelas ou azuis bem ao estilo do carnaval carioca. Carros com pouco mais de 30 anos para compor o cenário e muitas câmaras e holofotes. Shakira fez parar o trânsito numa das principais avenidas de Lisboa. Dançou ao frio, de vestido preto, e quase conseguindo passar despercebida, a colombiana gravou hoje o videoclipe do primeiro single de seu próximo álbum.

Não lhe posso dizer nada, não lhe posso dizer nada”, dizia uma mulher loira, alta, de bermuda e braços bem cruzados para fugir frio. Depois, quase em segredo, contou que era a gravação de um videoclip da cantora que neste sábado à tarde interrompeu o trânsito na Avenida Fontes Pereira de Melo, em Lisboa.

O aparato de seguranças, polícias e máquinas era grande, mas isso não impediu algumas dezenas de pessoas de ficar a espreita. Alguns iam passando pelo centro comercial e foram apanhados de surpresa, outros eram vizinhos que na noite anterior, já tinham visto retirar os carros da Rua Andrade Corvo.

No local das filmangens (contradizendo o que foi dito, de que seria filmado no Parque Eduardo VII, no centro da capital para espantar os fãs e curiosos) haviam dezenas de carros antigos parados, e o trânsito só passou em meia avenida e quando não havia gravações. No meio da avenida, uma menina acabou por não segurar o grito, e disse com um forte sotaque para a amiga que a acompanhava: “Não a estás a ver?”, apontando para uma loira que conversava com os bailarinos, e que se cobria com um manto castanho porque, o frio estava de matar nesta tarde em Lisboa. Era Shakira se preparando para mais uma série de filmagens.

No centro da avenida também havia um homem com um megafone em mãos a dando instruções, dirigindo-se aos operadores de câmera ou aos bailarinos. “Isto é um viodeoclip da Shakira, mas como assinei um papel não lhe posso dizer mais nada”, dizia outro homem que estava cuidando do som, junto aos holofotes, dos poucos que se encontra mais longe dos seguranças.

Moradores do local contaram ainda que o aparato começou a ser preparado na madrugada anterior (na noite do dia 29), mas as filmagens e a montagem do casting só foi acontecer no meio da tarde de hoje. Pessoas de todas as idades acompanharam com entusiasmo – mesmo que de longe – tudo o que se passou.

“As pessoas começaram a dizer, depois vimos que era para um videoclip. Sabia que a Shakira ia fazer vários, e já a vi dançar três vezes à frente do prédio. Resolvi ficar um bocadinho, sempre é uma celebridade.” – disse uma menina.


Volta e meia, a música tocou. Com uma batida ritmada, ao jeitinho da Shakira, haviam várias pessoas que tentam puxar do telefone para conseguir fotos, mas em pouco segundos ouvia-se a frase “não pode fotografar!”. Além disso, dezenas de seguranças privados impediam, – muitas vezes com truculência – os cidadãos lusos de tentar qualquer forma que fosse de registrar algo que pertencesse às filmagens na via pública.

Porém nem mesmo todos os seguranças evitaram com que os fãs filmassem mesmo que de longe, tanto que um deles conseguiu gravar um trecho da canção que provavelmente se chama Truth or Death (La la la la)”, em português “Verdade ou Desafio (La la la la)”.

Mais quando soaram os tambores, Shakira descobriu os ombros e voltou a ficar num vestido preto de verão. Estarava na hora de voltar a dançar. Confira abaixo um vídeo gravado por um morador local durante o momento das filmagens:

Fonte: http://www.publico.pt
Imagens: Shakira Argentina
Vídeo: My Shakiblog