Confira na íntegra a entrevista de Shakira para a revista Glamour

Confira na íntegra a entrevista de Shakira para a revista Glamour
Durante sua estadia no Brasil no último mês de Junho, Shakira além de acompanhar Gerard Piqué nos jogos da seleção espanhola, também aproveitou o tempo livre para conceder uma entrevista exclusiva à revista Glamour que você confere agora:

A gente sempre vê celebs lançando seus perfumes e questiona se elas se envolvem em todo o processo. Isso acontece de verdade?
Bom, eu me envolvi muito. Foi um trabalho de equipe, claro, não sou especialista, mas sempre soube direitinho que tipo de fragrância queria. Tinha de ser feminina, sensual e com um toque exótico.

Você é do tipo que se sacrifica em nome da beleza?
Não sou escrava, mas acho importante manter um equilíbrio e penso que privações são inescapáveis. Evito produtos industrializados, não como muita gordura, procuro ter uma alimentação natural. Mas preciso de um doce por dia, pelo menos. O que são esses docinhos de vocês… brigadeiros, certo? Como são gostosos!

E durante a gravidez, hein, como se cuidou?
Até o sétimo mês fiz aula de zumba, sempre controlando as minhas pulsações com um relógio especial. A parte mais difícil foi tentar não ganhar tantos quilos. Tinha uma fome insana. Nos três primeiros meses, acordava toda noite só para comer, acredita?

Muitas famosas dizem se sentir lindas e sexy durante e depois da gravidez. Isso não é balela?
Bem, uma das coisas mais difíceis depois do parto foi me olhar no espelho. Pensei: “Meu Deus, o que aconteceu aqui?”. Comecei a chorar. Eu parecia um sharpei. Mas, com paciência e um pouquinho de trabalho, tudo volta para o lugar. Depois de um mês voltei a fazer exercícios e era muito sofrido. Você está muito cansada, não tem energia e todo tempo livre que tem quer passar com seu filho. Amamentar me ajudou também. Gostei demais de dar o peito, mas há pouco tempo parei. Foi horrível pra mim, porém precisei parar por causa do trabalho.

A dedicação aos exercícios fez efeito, porque você está super em forma! E você parece ter uma auto estima ótima!
Você acha? Ah, tenho minhas inseguranças como qualquer mulher. Não é fácil ser uma pessoa pública. Mas graças a Deus meu marido [o jogador de futebol espanhol Gerard Piqué] não é muito exigente… [risos]. Durante a gravidez, ele sempre falava: “Você está linda, gosto assim, com mais carne, tenho onde pegar”. Ele nunca colocou nem um pouquinho de pressão, nem quando eu estava mais gordinha… Gerard sempre dizia que eu estava perfeita. Depois que o Milan nasceu, ele continuou dizendo que não precisava emagrecer. Faz diferença todo esse apoio para uma mulher, sabe?

E você tem algum conselho a dar a quem está pelos cantos, caidinha, com a autoestima abaixo de zero?
Trabalhar o amor próprio é muito importante. Um bom sorriso é a melhor maquiagem que existe. Uma mulher confiante é sempre sexy. A feminilidade, a sensualidade são um estado interior. Ao mesmo tempo, acho que nada é impossível… Esses corpos que a gente vê por aí, nas revistas, na televisão, são de pessoas que se dedicam a isso, que são realmente disciplinadas. Na minha opinião, quem quer de verdade consegue.

Você disse que o Piqué te elogia muito. E você: o que mais gosta nele?
Ele é o cara mais bonito que eu já vi na vida. Mas o que o torna mais bonito é o seu coração.
Ele é um coração com pernas. Umas pernas muito bonitas também [gargalhadas]. Pernas lindas! Pra mim ele é um ursinho. Como se diz aquela palavra… pelúcia? Isso! Ele é meu ursinho de pelúcia!

Recentemente você levou o Milan ao The Voice [Shakira é jurada da versão americana do programa]. Como foi essa decisão?
Sempre achei que esconder os filhos é um comportamento antinatural. Quando você tem um filho você quer mostrar, é o seu orgulho, toda mãe quer compartilhar essa alegria. E eu quero dar a ele uma vida normal, com um senso de normalidade na medida do possível. Porque não vai ser possível para ele viver uma vida totalmente normal, ele é filho de duas celebridades. Não tem como fugir do holofote.

O que você faz quando está fora dos palcos? Como é a sua rotina?
Quando tenho tempo livre, gosto de ficar com o Milan. Toda a minha atenção está voltada para ele nesse momento. Preciso saber se ele tomou a mamadeira, se dormiu, se está bem e tranquilo… E também não abro mão de estar com o Gerard, claro! Tudo isso é muito diferente dos assuntos da minha vida profissional, que são bem mais estressantes. No fim, é um bom equilíbrio, não acha?

Fonte: Revista Glamour