De Olho na Tour: Por que o próximo DVD precisa ser gravado em Barranquilla?

Ainda faltam 20 dias para a El Dorado World Tour começar e esse colunista que vos fala gosta de pensar à frente. Desde a globalização de sua carreira para além do mundo hispânico, Shakira sempre registra um dos shows de suas turnês para imortalizar o momento de sua celebração no palco e presentear os fãs que não puderam assisti-la ao vivo ou aqueles que simplesmente querem ter uma recordação do evento. Cada turnê tem um registro memorável e rendeu aos fãs belas obras audiovisuais.  Com a próxima série de shows da colombiana, acredito eu, que não vá ser diferente. Pensando nisso, a nossa coluna DE OLHO NA TOUR de hoje, concentra suas atenções  nos registros em DVD das turnês de Shakira para tentar entender como funciona o processo de escolha do show que vai ser gravado. E vamos além, listando uma série de motivos que qualificam Barranquilla como a cidade ideal para a gravação de um possível DVD da turnê do disco El Dorado. Vem com a gente!

Obviamente, ainda é muito prematuro especular em qual cidade ocorrerá o registro de um DVD. Nós sequer sabemos se há a intenção por parte da gravadora de um registro gravado. Mas como é um assunto pertinente, nós nos adiantamos e colocamos o assunto em pauta. Os DVDs das turnês anteriores de Shakira não tiveram uma lógica de locação que nos permita palpitar uma cidade que receberá o registro dessa vez. No entanto, todas as cidades em que Shakira realizou o registro gravado em mídia foram escolhidas por um motivo, não foram escolhas aleatórias. A turnê do Mangusto (Tour Off the Mongoose), foi a primeira a ter um de seus shows registrados em suporte de mídia. A cidade de Roterdã, na Holanda, foi a elegida para a gravação. No dia 22 de abril de 2003, Shakira e sua banda se apresentaram na Ahoy Arena para mais de 15 mil pessoas e posteriormente para milhares de fãs ao redor do mundo, uma vez que aquele show foi gravado e se transformou no “Shakira Live & Off The Record”, reproduzido incontáveis vezes. Mas por que Roterdã? A cidade holandesa ainda não tinha uma relação sólida com Shakira e a escolha parece, à primeira vista, aleatória. Mas não foi. A cantora havia assinado um contrato recente com a Sony Music Netherlands. A divisão holandesa da Sony era a responsável pela distribuição dos catálogos de Shakira pelo mundo, a partir de Laundry Service, incluindo o registro em vídeo extraído de sua turnê. Sendo assim, por questões logísticas e contratuais, era mais viável para a gravadora produzir um DVD em seu próprio território. Mas vale lembrar, que o DVD mescla cenas do concerto realizado em Buenos Aires, em maio do mesmo ano, na edição final.

Se na turnê do Mangusto a escolha da cidade foi por uma questão técnica e pragmática, na Oral Fixation foi sentimentalismo puro. Miami é uma das cidades mais latinas do mundo, apesar de localizada nos EUA. Em 2006, Shakira vivia um dos pontos altos de sua carreira, com a explosão do mega hit “Hips Don’t Lie”e uma turnê exitosa em todo o mundo. Foram 117 shows em 5 continentes, nos anos de 2006 e 2007. Só na cidade de Miami foram 5 concertos com casa cheia. A cantora ainda recebeu no final de 2006, as chaves da cidade diretamente das mãos do prefeito, Manny Diaz, devido ao recorde de cinco apresentações lotadas em um único ano na American Airlines Arena e à sua ascensão como símbolo latino para o mundo. Em 09 de dezembro daquele mesmo ano, foi gravado o DVD Oral Fixation Tour, um dos mais emblemáticos de sua carreira e lançado no ano seguinte. A edição final também contem cenas do concerto realizado na cidade de San Juan, em Porto Rico. O registro possui certificado de platina no Brasil, por suas mais de 30 mil cópias vendidas, de acordo com a Pro-Música Brasil.

O mais recente registro gravado em DVD de Shakira foi de sua última turnê, The Sun Comes Out Tour. A turnê Sale el Sol rodou o mundo e a colombiana escolheu a França para gravar seu projeto musical em vídeo versão longa. Só no país franco foram 7 apresentações, em 2010 e 2011, divididas entre a capital, Paris, e as cidades de Lyon, Montpellier e Nice. Nos dias 13 e 14 de junho de 2011, Shakira arrebatou uma legião de fãs para o, então, Palais de Omnisports Bercy (hoje Accor Hotels Arena). A escolha da cidade luz para a gravação de seu DVD não poderia ter sido mais oportuna. Shakira vivia uma verdadeira lua de mel com a França. Seu hino para a copa do mundo da África do Sul, “Waka Waka”, foi a canção mais vendida do país em 2010. O single foi certificado uma platina e um ouro por suas mais de 225 mil cópias. O disco Sale el Sol recebeu em 2010, o disco triplo de platina por 300 mil cópias vendidas no país, de acordo com a SNEP (Sindicato Nacional dos Editores Fonográficos). No ano seguinte, recebeu mais uma platina, ultrapassando as 400 mil cópias. No início de 2011, a estrela latina foi ovacionada na premiação NRJ Music Awards ao cantar a capela um trecho do emblemático hino francês, La Marsellaise. Em retribuição ao carinho e dedicação dos fãs franceses, Shakira incluiu no show de gravação de seu DVD um cover da música Je l’Aime a Mourir, de Fraces Cabrel. A versão da colombiana atingiu o topo das paradas do país e foi certificada Ouro por mais de 75 mil cópias. o DVD Live From Paris recebeu disco de platina por suas 15 mil unidades vendidas e a versão em CD foi disco de ouro atingindo 50 mil cópias. Para coroar com chave de ouro a relação de Shakira com a França, a estrela recebeu a maior condecoração cultural do país, a medalha Cavaleiro da Ordem das Artes e Letras das mãos do Ministro da Cultura Francês, Frédéric Miterrand, em 2012.

E na Turnê El Dorado, qual cidade vai ter a honra de sediar a gravação de um DVD? Se eu fosse realizar algumas apostas, creio que Barcelona, Buenos Aires e Cidade do México são fortes candidatas. Por gosto pessoal, acredito que um DVD gravado no Rio de Janeiro seria espetacular. Mas entre todas as cidades do mundo, há uma que merece esse privilégio mais que todas as outras: Barranquilla. La Arenosa é a terra natal da nossa artista. Shakira nunca gravou um DVD em seu país e já passou da hora de isso acontecer. A gravação seria emblemática e histórica. O disco El Dorado aborda a temática de uma lenda colombiana e nada mais justo que gravar o show da turnê ali. Além disso, Shakira planeja a construção de duas novas escolas em seu país, uma em Cartagena e outra em Barranquilla. Um show em sua cidade natal com os fundos revertidos para sua Fundação e ainda a gravação de um DVD do mega evento, seria uma baita promoção de sua causa.  O apoio operacional da TV local auxiliaria na questão logística e técnica. Ela ainda poderia contar com a participação de seus conterrâneos Maluma e Carlos Vives e promover uma verdadeira festa para seus fãs do mundo todo. Alguém ainda tem dúvidas de que o próximo DVD de Shakira precisa ser gravado em Barranquilla?